//Encontro dos Servidores discute greve geral para o dia 18

Encontro dos Servidores discute greve geral para o dia 18

Compartilhe

Evento ocorre nesta quinta e sexta-feira, com indicativo de paralisação nacional para deter ou alterar a Reforma Administrativa

Site www.contraapec32 e G1
28/7/2021

O Encontro Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Setor Público, organizado pelas centrais sindicais e entidades que representam o funcionalismo, começa nesta quinta-feira (28) com a previsão de planejar uma greve geral para o dia 18 de agosto, além de debater um plano de luta contra a PEC 32/2020, que trata da Reforma Administrativa.

Nessa data, também serão realizados atos, paralisações, mobilizações nos locais de trabalho, panfletagens em terminais de transporte público e outras agitações. Antes da greve geral, ainda haverá um ato em Brasília, no dia 3 de agosto, no retorno do recesso parlamentar, além  de um conjunto de atividades que vão ajudar a mobilizar a paralisação do dia 18.

Vão tentar também serem recebidos em audiência pelo relator da PEC, deputado Arthur Maia (DEM-BA).

Imposto de Renda

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (Progressistas-AL), afirmou nesta quarta-feira (28) que agendas econômicas serão prioridade do Legislativo no segundo semestre. Segundo Lira, logo após o recesso já haverá a votação da primeira parte da reforma tributária.

Em entrevista à GloboNews, o presidente da Câmara afirmou que a proposta sobre o Imposto de Renda estava amadurecida entre os parlamentares e deve passar com tranquilidade pela Casa. A proposta ainda deve ser levada ao Senado antes da sanção do presidente Jair Bolsonaro.